8 de jan de 2012

[Parte 4] Capítulo 2: Conceitos básicos de programação

Como foi visto anteriormente no capítulo 1, mesmo para quem nunca programou antes, com o WebMatrix, páginas web ASP.NET e Razor Syntax, é possível rapidamente criar páginas dinâmicas com recursos sofisticados, e não é necessário muito código para isso.

Razor Syntax, código de servidor e ASP.NET
Razor syntax é uma sintaxe simples de programação para incluir código baseado em servidor (server-based) em uma página web. Em uma página web que utiliza Razor Syntax existem dois tipos de conteúdo: o conteúdo do cliente e o código do servidor. O conteúdo do cliente são todas as coisas que utilizamos em uma página web: marcação HTML (elementos), informações de estilo (como CSS), scripts (como Javascript) e textos.

Razor syntax permite que seja adicionado codigo de servidor no conteúdo do cliente. Se há código de servidor na página, o servidor irá executar primeiramente o código, antes de enviar a página ao browser. Pela execução no servidor, o código pode desempenhar tarefas que podem ser muito mais complexas se utilizarmos o conteúdo do cliente sozinho. O mais importante é que o código de servidor pode criar o conteúdo do cliente dinamicamente. Pela perspectiva dos browsers, o conteúdo do cliente gerado pelo código de servidor não é diferente de qualquer outro conteúdo do cliente.

Páginas ASP.NET que incluem Razor Syntax tem arquivos com uma extensão especial (.cshtml ou .vbhtml). O servidor reconhece estas extensões, executa o código marcado com Razor Syntax e envia a página ao browser.

Onde o ASP.NET se encaixa?
Razor syntax é baseado em uma tecnologia da Microsoft chamada ASP.NET, que por sua vez é baseada no Microsoft.NET Framework. O .NET Framework é uma grande e abrangente framework de programação de desenvolvimento virtual da Microsoft para qualquer tipo de aplicações computacionais. Desenvolvedores utilizam ASP.NET para criar muitos dos mais visitados sites do mundo. (Sempre que você observar o nome do arquivo com a extensão .aspx como parte da URL de um site, pode ter a certeza de que o site foi escrito utilizando ASP.NET.)

A Razor Syntax oferece todo o poder do ASP.NET, porém utilizando uma sintaxe simplificada mais fácil de aprender para um iniciante e que aumenta a produtividade de quem já conhece profundamente a tecnologia. Embora essa sintaxe seja simples de utilizar, a familiaridade com ASP.NET e .NET Framework significa que com seus sites cada vez mais sofisticados, todo o poder de grandes Frameworks estará disponível.

Classes e instâncias
O código do servidor ASP.NET utiliza objetos, construídos sobre a idéia de classes. Uma classe é uma definição ou um modelo para o objeto. As aplicações possuem classes que definem as propriedades e métodos que o objeto precisa.

Quando uma classe necessita trabalhar com um determinado objeto atual, é criada uma instância do objeto. Cada objeto criado é uma instância da classe onde foi definido. Cada instância suporta as mesmas propriedades e métodos, o que varia são os valores, uma vez que cada objeto é único.

De forma semelhante, qualquer página do seu site é um objeto do tipo Página, que é uma instância da classe Página. Um botão em uma página é um objeto do tipo Botão que é uma instância da classe Botão. Cada instância tem suas próprias características, mas todas são baseadas no que foi especificado na classe do objeto em questão.

2 comentários:

  1. Olá Luiza!
    Sou especialista em infraestrutura, mas apaixonado pelo desenvolvimento.
    vou tentar aprender um pouco com o webmatrix.
    Seguirei os seus posts.
    Pode postar que vou aproveitar rs
    Abraço

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, Fernando!
    Tenho certeza que você vai gostar... É um ambiente muito simples, qualquer dúvida pode entrar em contato pelo email que está no meu perfil, estarei à disposição!

    Abraços

    ResponderExcluir

Sua crítica, sugestão ou comentário será muito bem vindo!